sábado

Tentaram foder a Alienação Zorziana

Example

Tentaram aniquilar a Alienação Zorziana. Depois de sequestrarem o seu mentor, Zorze, eis que não satisfeitos pela humilhação imposta ao próprio, conseguiram sacar-lhe a password do seu blog. Mantiveram-no fechado num rés do chão sem luz, água e comida. Mas ele, o Zorze (!), conseguiu fugir. Ele, o vosso herói, sobreviveu à maldade de um grupo de terroristas, movidos com o único intuito de o foder à grande! Não só foi capaz de aniquilar os filhos da puta como ainda recuperou a sua "casa": a Alienação Zorziana. Até já... O regresso aos posts dar-se-á com mais frequência doravante...

11 comentários:

  1. Grande Zorze!
    Entao e que tipo de terroristas eram? islamicos, radicais, conservadores, fundamentalistas católicos, milicias fascistas americanas, apoiantes do Mário Soares, velhinhas dos autocarros da carris, pombos engripados, patrões enraivecidos, camionistas desesperdos, grupos de 2 ou 3 jovens da Cova da Moura que poderiam ser confundidos pela polícia porde serem um arrastão?

    Hoje em dia o perigo vem de todo o lado!

    ResponderEliminar
  2. Estás a falar de quê, amigo!!!???
    O terrorismo já chegou à blogosfera?

    Ainda bem que a alienação continua viva e de boa saúde, e tu Zorze, meu heríico sobrevivente, diz-me que são os tipos que eu vou lá... vou lá... ... ... falar com eles!
    ***

    ResponderEliminar
  3. Já tinha pedido a ajuda do MI5, CIA, MOSSAD e claro da PJ. Mas temos que estes últimos acabaram por prejudicar o trabalho dos primeiros.
    Fico feliz por teres conseguido safar-te sozinho!!
    Bem-vindo de volta!

    ResponderEliminar
  4. No outro dia, enquanto esperava por um telefonema para saber se ia ou não a um curso de enologia (ao Chiado), sentadinho num banco de jardim da Quinta Nova, tentando perceber, de DN na mão, porque é que quem de direito não despede o Rolo Duarte, fui abordado por três seres hediondos: Um chiuaua, um pincher (de pêlo hirsuto) e um malamute do Alaska! Este último, com o seu ar de quem tem um cérebro do tamanho de um dos olhos, não sabendo ladrar (como não o sabem nenhum malamute ou husky), uivou. Os outros dois, ladrando como só eles sabem, ganiram! Foi ensurdecedor, aterrador, fiquei traumatizado! Nunca mais me sento num banco de jardim! Depois vieram três "mandiês" e altercaram o costumeiro: "Cumé, sócio... tem um náit?" e eu soube que, apesar de não ser raptado, tudo iria correr pelo melhor!

    ResponderEliminar
  5. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
  6. Tentar, tentaram... Mas não conseguiram. Com um alienado como tu, ninguém tem hipóteses!
    Beijos***

    ResponderEliminar
  7. Mas quem queres tu enganar? Achas que o pessoal da blogosfera é tanso ou quê? Eu sei de fonte segura que o Pinto da Costa e o Guarda Abel tentaram raptar-te de forma a convencer-te a assinar pela equipa dos Dragões Alienados, agora em Janeiro. Temo que a tua fuga esteja relacionada a favores sexuais prestados por ti, mas não quero ir por aí...

    Estás de volta, isso é que importa!

    Abraço

    ResponderEliminar
  8. Mariacchi, folgo em saber que era ''ao Chiado'' :P

    ResponderEliminar
  9. yago, photografo7:01 da tarde

    Epah, nao sei, mas quando penso em terrorismo tenho logo que e lembrar dos americanoides balofos e estupidos com quem tenho de trabalhar todos os dias... Ah gente dum Raio.

    ResponderEliminar