Avançar para o conteúdo principal

Ala-que-vem-bala - OU - Nem nem sempre o correcto é o mais acertado - OU - O gigante Golias - OU - "Puta que pariu a PSP!"

Há uns anos valentes (13, 14 anos...)

O Alexandre tinha pouco mais de 1,65m de altura, mas garanto-vos que era portador de uma grande atitude. Quando um dread de 1,92m lhe barrou a passagem para a casa de banho, aquando de um festival de actividades no Cacém, onde nunca fui feliz, ele disse exactamente o que eu diria: "Então, caralho (!), comé?!" Mas nem sempre o correcto é o mais acertado: levou vários "punhos" na cara e pontapés nas costelas até ficar quase imobilizado. Só que, muito ao estilo de quem se digna em esfolar os joelhos para cumprir promessas na santa localidade-embuste, lá apareceu ele, sobrando-lhe o dedo para apontar na direcção do filho da puta. Todos nós corremos para “malhar” naquele boi imponente. O irmão mais velho do Alex, o Lula, a quem a minha mãe erradamente chamava de Polvo (acho que foram influências da Máfia), foi quem tomou a dianteira para garantir o bilhete para esse grande espectáculo, Não Mexer os Bracinhos por Ser Sovado Até à Morte. Todavia, antes que o espectáculo terminasse, juntámos a vontade de vingança. E, tal e qual a coragem de grandes heróis – lembro-me agora assim, e a correr, do Vegeta ou do Sangoku - , atirámo-nos à fera! Foi então que o gigante Golias recorreu à sua arma, antes que o seu tombo fosse mais sonoro do que o despertar da pólvora na carne. Todos nós, habituais frequentadores do Cunhas, o inesquecível bar de poesia e música no Cacém (hoje, sem o Cunhas à frente do balcão, julgo que se chama Lounge), estivemos vai-não-vai para sermos baleados. Alguém despertou o alarme para a fuga: "Ala que vem bala!". Uns metros mais à frente, a PSP do Cacém, que tinha vindo substituir a GNR (outros “senhores” muito eficientes – não haja dúvida) há uns meses, caçou-o. Mas, mesmo em cima das nossas barbas - embora na altura ainda fossemos imberbes -, a polícia largou o fulano por algum motivo (todos nós soubemos qual…). Houve alguém, julgo ter sido eu – isto, para não me incriminar! -, que lhes chamou "cabrões, filhos da puta, curruptos do caralho!" Foi então que, nesta minha fraca estrutura de contenção, dei por mim a pensar o seguinte: Afinal (...), nem sempre o incorrecto é o mais errado!

Comentários

  1. nesse grupo do alexandre não havia uma miuda de jardineiras de ganga, tranças e óculos?!?!?! Era eu! (pronto... ok... ignorem foi o meu vómito mental Enid Blyton do dia... retiro-me com Vossa licença..)

    ResponderEliminar
  2. Lol, eu não me esqueci que juntos tentámos vencer o Golias ou pensas o q? *

    ResponderEliminar
  3. Isso só pode ter sido obra do gang da ribeira... Pessoal do Posto é assim, falta de nível...

    ResponderEliminar
  4. Eu quero dizer, pessoal do Porto. A palavra até me doi a escrever, meu Deus.

    ResponderEliminar
  5. ...
    vómito mental enid blyton...

    bem, que meninos do coro!!!
    espanto-me ainda hoje como escapaste ao reformatório, caro alienado!!!

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Die Liebesbriefe einer portugiesischen Nonne

Gosto mesmo deste registo de mamas!

Tinha, talvez, cinco anos quando vi a Ana Zanatti e as suas amigas freiras em cenas lesbianas e, naturalmente, vem daí o despertar precoce da minha libido.

Só consegui a capa do filme em Inglês. Sorry...

Rapsódia contemporal-conceptual - OU - Ya, Zé

Onde é que se liga aqui este megafone?... Ouçam: artigos pequenos e outros um pouco maiores com mais de 80% de mínima importância. O tapete, o cristal, os dourados. Ai, como são lindos os dourados! Os saldos! Ui, dEUS meu, já começaram? Pretexto. Vamos já, vamos já! Quero ver essa selectividade minimalista dos espaços decorados sem nada. Os dias da reinvenção. Presunção. Sei mais do que tu! Eu sim, sou especial. Antena e o tempo. Vem de onde? Massamá! E o que nos traz hoje? Venho cantar Celine Dion em português. Escolha ousada. E porquê a Celine? Ai, é simplesmente linda: sempre foi! Dias de festejo. Kizombada depois da lambada lambuzada ao seu tempo. 2 tempos. 4 tempos. Motores potentes. A tecnologia gritante. Si, cariñoooooo! Iphones, S8's, S9's, 5 Mini S´s. Fodeu! É assim que se diz? Depende do que queres dizer!? Quem? A mulher, o patrão, o empregado, a amante turbinada, o senhor do banco? Tenho certezas, tenho opiniões. Como diziam os outros, já sei namorar e beijar de bo…

Como pode um homem sem escrúpulos fornicar a sua amiga lésbica?

Embriagados e fumados, dois amigos estendidos no chão da cozinha. . .

Amiga: Qual é o meu problema em gostar de gajas?
Amigo: O problema é que se não fosses lésbica já teríamos um programa melhor do que ficarmos a arrefecer no chão.
Amiga: Não te preocupes. Posso sempre dar-te um xi-coração.
Amigo: Olha, já cheiraste este lenço?
Amiga: O que tem?
Amigo: Cheira!
Amiga: Está bem. Humm… bah, cheira a… a… a… hospital…
Amigo: Diz antes a sonorífero!